Apontamentos da Assembleia Municipal do Porto, 15-mar-2010

15mar2010 indicação da medalhas que vão ser atribuidas no 25-abril => ausência de mulheres josé castro (be) – tentativa do executivo retirar ao 25 de abril o seu papel. não votam proposta alteração do codigo regulamentar jose castro (be) – sobre a questão da afixação de propaganda politica; regulamento compara actividade política à publicidade – […]

Apontamentos da Assembleia Municipal do Porto, 1-mar-2010

recomendações ps instalações falta de condições desencadear o processo em relação à criação de um novo espaço artur ribeiro (cdu) apoia paulo rios (psd) – o que possível vs o que é desejável alda macedo (be) – apoia, processo deveria ser mais urgente miguel barbosa (cds) – este não é o momento para discutir uma […]

Olhares sobre a Cidade VII #2

Notas sobre a segunda sessão da sétima edição dos Olhares Cruzados na Universidade Católica (Porto) realizada no dia 11-março-2009 sobre reabilitação urbana Também disponivel o podcast com as diferentes intervenções: João Ferrão, Arlindo Cunha, Eduardo Souto Moura e o debate posterior (parte1 e parte2) joão ferrão reabilitação urbana é uma palavra que entrou no vocabulário politicamente […]

O Porto em Conversa – Março 2010

Nos dois últimos meses não houve “produção própria” do Porto em Conversa, mas isso não quer dizer que não tenha havido novidades no blog. Assim, continuei com a série de entrevistas a deputados municipais do Porto, tendo entrevistado José Castro (BE) sobre habitação social e Pedro Moutinho (CDS-PP) sobre o papel do CDS-PP na gestão […]

Olhares Cruzados VII #1

Notas sobre a primeira sessão da sétima edição dos Olhares Cruzados na Universidade Católica (Porto) realizada no dia 11-março-2009 com o tema “A Regionalização e as Prioridades de Norte” Também disponivel o podcast com as diferentes intervenções: Alberto Castro, Luísa Bessa, Rui Vilar, Manuel Correia Fernandes, Cristina Azevedo, Debate Final. introdução de  luísa bessa legado […]

Nuclear e Barragens

Não tenho duvidas que tudo tem impactos, nomeadamente no que diz respeito à produção de energia. E que algumas escolhas são políticas, mais do que económicas, no sentido habitual do termo que considera essencialmente fluxos financeiros. E, claro, nós só escolhemos quando temos alternativas. Em relação ao nuclear e considerando todos os pros e contras […]