Sobre os comentários do podcast

A propósito dos comentários que recebi sobre o primeiro podcast O Porto em Conversa e que agradeço.

Sendo também consumidor de podcasts acho que consigo perceber a questão do tempo. É quase uma questão de produtividade… se em meia-hora conseguir transmitir o mesmo que numa hora então também prefiro a meia-hora, dá-me tempo para depois ouvir outras coisas ou para processar o que acabei de ouvir.

Sem dúvida que é para aí que quero caminhar, eu próprio ser mais objectivo e incisivo e conseguir que quem está à minha frente também o seja.

Outra alternativa é, depois de terminada a gravação, dedicar-me um pouco à edição da mesma, eventualmente cortando aquilo que não tem tanto interesse ou que seja redundante com outras passagens da gravação. Esse no entanto não é um caminho por onde queira ir já que implica consumir o meu tempo em mais outra tarefa.

Aliás a questão do tempo de pós-produção foi uma das razões porque levei tanto a iniciar este projecto já que a perspectiva de gravar algo e depois ainda ter que processar esse trabalho para, por exemplo, melhorar a qualidade de gravação iria implicar um investimento muito grande (imagino eu) de tempo.

Ainda não estou completamente convencido do interesse de partir o podcast a meio. Acho que aqui já começa a entrar a questão de como consumimos esta informação. Não sei como funcionam os outros dispositivos (leitores de mp3 ou telemóveis) mas por exemplo no meu ipod se eu parar a meio de um podcast porque não tenho mais tempo para ouvir ou então quero ouvir música, depois ao voltar a seleccionar o mesmo podcast ele recomeça a partir do sítio onde tinha ficado. Daí que, como digo, o simples dividir o ficheiro em diferentes partes ainda não me pareça a melhor solução… mas pode ser que me convençam…

Veria com mais interesse criar uma espécie de indice, parecido com os capítulos dos dvds, que permitisse saltar rapidamente entre temas mas sem obrigar a ter ficheiros separados. A minha relutância em relação aos ficheiros separados também vem um bocado porque eu não me imaginaria a ter só a versão conversa separada em bocados mas sim em complemento à conversa completa.
Isto mais uma vez iria aumentar o trabalho necessário para a produção do programa.

Já a questão de ter uma introdução que indica quais os temas abordados, eventualmente com passagens da propria entrevista e até o contexto em que aparece a vontade de falar com essa pessoa parece-me uma boa ideia já que pode funcionar como destaque do programa e como enquadramento da conversa.

Dito isto eu de qualquer forma na minha utilização habitual dos podcasts passo sempre à frente esta introdução porque normalmente assumo que vou ouvir o podcast independentemente do que lá está, isto porque o trabalho inicial de selecção de quais os podcasts a ouvir já foi feito. Isto é, eu no dia em que adicionei ao meu iTunes o podcast xpto assumi que ia passar a ouvir esse programa e não faço a avaliação se realmente o vou ouvir ou não na ouvindo a introdução do mesmo mas mais pelos primeiros cinco minutos do programa propriamente dito. Mas claro, isto é como eu faço as coisas…

Em relação à visibilidade dos links, concordo totalmente. Já mudei o template do site para ver se melhora.

por Vitor Silva



Leave a Reply