como eu defino os podcasts

O podcast é no essencial um conceito que tem duas vertentes: conteúdo e forma de disseminação.

Em relação ao conteúdo ele é originalmente audio embora actualmente já haja podcasts video. imagina basicamente um programa de radio ou de televisão. esse é o conteúdo. nada de particularmente revolucionário pensas tu… e com razão.

O que faz a diferença é a forma de disseminação. enquanto que nos conteúdos dos meios de comunicação tradicionais tu tens que ir sempre à procura desses conteúdos e só os podes consumir no horário em que esses media acharem melhor (tanto pode ser às 20h ou às 02h) para além de te obrigar (no caso da tv) a uma disponibildade fisica de estar sentada em frente à televisão, o podcast é algo que podes subscrever, ou seja dizer que queres passar a acompanhar, e um programa no teu computador trata de verificar periodicamente se há novos conteúdos disponiveis.
Ou seja deixas de ter que procurar os conteúdos para eles passarem a ir ter contigo.
E com um qualquer leitor de mp3 tens esses conteudos disponiveis para serem consumidos a qualquer hora.

Para mim foi sem duvida algo de transformador já que, de um momento para o outro, deixei de ter tempos mortos no meu dia-a-dia… qualquer hora é uma boa hora para ouvir qualquer coisa nova. (claro que agora já me apercebi que dá jeito ter tempos alguns mortos para o teu cérebro conseguir processar toda essa informação e poderes pensar noutras coisas.
Eu não sei qual é a tua área profissional mas na minha, a nivel de conteúdos portugueses, não há assim tanta coisa e, como disse, poder passar a ouvir palestras dadas na universidade de stanford, ou conferencias de tecnologia, ou sobre questões sociais (como o poptech => dá uma vista de olhos em www.poptech.com) foi realmente transformador.

Só mais outra coisa que não é dispicienda. É que com a tecnologia que quase qualquer pessoa tem hoje em dia, qualquer um pode fazer o seu podcast. e um dos meus objectivos em relação a iniciar um podcast é precisamente trazer para a internet as vozes das pessoas que são interessantes e que ainda só estão no mundo fisico. pela razão de que no mundo virtual é muito dificil as ideias desaparecerem. depois de estar online esses conteúdos ganham vida própria, não ficam dependentes do seu mentor inicial e por isso não desaparecem com ele, nem dependem da sua capacidade de publicitação para serem descobertas.

por Vitor Silva



Leave a Reply